Projeto de Onyx garante porte de arma para moradores do campo

12 de Agosto de 2017

“Esta proposta é uma salvaguarda tanto ao proprietário quanto ao trabalhador rural, para que dentro da propriedade rural eles possam defender os seus patrimônios, suas famílias e, principalmente, a própria vida, que é o bem maior do ser humano”, afirmou Onyx.

Onyx

O deputado Onyx Lorenzoni (RS) quer garantir o porte de armas de fogo aos moradores do campo, para que eles possam proteger suas propriedades. Ele protocolou um projeto de lei (PL 8153/2017) no dia 2 de agosto, a fim de criar o Porte Rural de Arma de Fogo, destinado a permitir seu uso a proprietários, residentes e trabalhadores nos estritos limites da propriedade rural.

“Esta proposta é uma salvaguarda tanto ao proprietário quanto ao trabalhador rural, para que dentro da propriedade rural eles possam defender os seus patrimônios, suas famílias e, principalmente, a própria vida, que é o bem maior do ser humano”, afirmou Onyx. Na prática, o texto modifica o Estatuto do Desarmamento, abrindo mais essa possibilidade de legítima defesa a quem vive ou trabalha no campo.

Segundo o autor da proposta, o Estatuto do Desarmamento é uma “praga” deixada pelo governo Lula, que serve apenas para dar garantia aos bandidos. E, assegura Onyx, “no campo a tragédia é ainda maior”. “No campo, o governo dá uma garantia dobrada para os criminosos, pois além dos proprietários e trabalhadores rurais não terem como se defender, a polícia também não consegue chegar a tempo, como ocorre às vezes na cidade”, arrematou o deputado.