Líder Efraim Filho manifesta apoio à votação, em plenário, da PEC dos agentes comunitários

12 de Setembro de 2017

“Estamos falando de investimento. Cada real aplicado em prevenção, no trabalho feito pelos agentes comunitários de saúde, significa menos doentes nas filas dos hospitais e mais recursos para a saúde”

Saude

Em reunião nesta terça-feira, o líder do Democratas, deputado Efraim Filho (PB), manifestou apoio à votação, no plenário da Câmara, da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 22/11, que fixa regras para a remuneração dos agentes comunitários de saúde e dos agentes de combate às endemias.

“Estamos falando de investimento. Cada real aplicado em prevenção, no trabalho feito pelos agentes comunitários de saúde, significa menos doentes nas filas dos hospitais e mais recursos para a saúde”, disse o deputado Efraim Filho, que assinou requerimento para que a matéria seja analisada pelo plenário.

O líder do Democratas lembrou que esta é uma bandeira do deputado Mandetta (MS), que conhece como ninguém a realidade da saúde pública.

Estiveram com Efraim Filho em Brasília representantes nacionais dos agentes comunitários. A presidente da Confederação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde (Conacs), Ilda Angélica, e o presidente do Sindicato dos Agentes de Saúde e de Combate as Endemias de Patos (Sindacase), João Bosco Eleutério de Assis, participaram da reunião.

 Em agosto, a comissão especial aprovou a PEC, com a definição do piso salarial e seu índice de reajuste. O piso ficou fixado em R$ 1.600,00 com reajuste pelo INPC (Índice de Preço ao Consumidor) mais a variação do PIB.