Democratas fica ainda maior com a chegada de novos deputados à bancada

12 de Março de 2018

Líder do Democratas na Casa, o deputado Rodrigo Garcia (SP) lembra que o partido passou por momentos difíceis quando teve coragem de manter-se na oposição, no período do lulopetismo. “Os tempos mudaram. Fomos coerentes e o partido cresceu e reforçou seu protagonismo”, avaliou.

democratas

A bancada do Democratas na Câmara recebeu na semana passada o reforço de mais quatro parlamentares, chegando a 38 deputados. No início da legislatura eram 21 deputados. Líder do Democratas na Casa, o deputado Rodrigo Garcia (SP) lembra que o partido passou por momentos difíceis quando teve coragem de manter-se na oposição, no período do lulopetismo. “Os tempos mudaram. Fomos coerentes e o partido cresceu e reforçou seu protagonismo”, avaliou.

A deputada Laura Carneiro (RJ) retornou à bancada e disse que “voltou para casa”. “Toda a minha base política foi no PFL, depois DEM”, lembrou Laura. “Minha expectativa agora é ajudar a eleger Rodrigo Maia como Presidente da República”, afirmou.

Outro parlamentar que está voltando para o DEM é João Paulo Kleinübing (SC). “Ingresso no Democratas com o sentimento de voltar para minha verdadeira casa, uma vez que foi aqui que comecei minha caminhada, no antigo PFL”, destacou. “Volto, tendo a certeza que o Democratas tem a coragem e a capacidade para congregar a sociedade em busca de um novo caminho para nosso país”, pontuou.

Também retornando à bancada, o deputado Heráclito Fortes (PI) lembra o ditado de que ‘ninguém se perde no caminho de volta’. “Eu retorno ao DEM em um momento de mudança, renovação e fortalecimento da sigla, especialmente agora, com a chegada de novos nomes”, afirmou. “A marca do DEM sempre foi a de fazer uma oposição responsável e coerente mesmo nos momentos difíceis e agora, mais do que nunca, o partido reforça esse posicionamento, se renovando, mas sempre em sintonia com o sentimento do povo brasileiro, sem radicalismos, extremismos ou inflexibilidades”, assegurou.

Já o deputado Sérgio Zveiter (RJ) entende que no Democratas é possível ajudar ainda mais no enfrentamento da grave crise pela qual o Estado do Rio de Janeiro passa, tanto na economia, quanto na segurança pública. “Hoje, o DEM é uma força política com grande relevância no cenário nacional, tem o presidente da Câmara dos Deputados, está atraindo grandes quadros e apresenta uma agenda consistente para o Brasil e para o Rio no rumo do crescimento econômico e da geração de emprego e renda”, argumentou. “E agora com a pré-candidatura do Rodrigo Maia à Presidência da República temos uma pessoa comprometida com o Rio de Janeiro”, concluiu.