Com atuação da bancada carioca e articulação de Rodrigo Maia, RJ consegue alívio em operação com royalties

16 de Abril de 2018

“Graças a uma lei de minha iniciativa esses recursos estão entrando na conta do estado”, celebrou o presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia.

 

Foto rodrigo maia

O estado do Rio de Janeiro conseguiu um importante alívio financeiro com a operação para captar recursos no exterior usando os royalties do petróleo como garantia. A receita foi de US$ 600 milhões, o equivalente a cerca de R$ 2 bilhões.

“Graças a uma lei de minha iniciativa esses recursos estão entrando na conta do estado”, celebrou o presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia. “O pagamento do 13º, que estava atrasado, está garantido, assim como os demais salários dos servidores”, ressaltou.

A deputada Laura Carneiro disse que a bancada trabalhou forte por essa matéria. “Nos empenhamos na busca de soluções que permitissem o aumento da arrecadação do estado. A Lei dos Royalties já trouxe cerca de U$ 600 milhões para minorar a pior crise vivida pelo Rio”, assegurou.

De acordo com o deputado Sóstenes Cavalcante, essa é uma boa notícia, mas é preciso cuidado na antecipação de receitas. “Como alternativa emergencial é importante, mas é preciso cuidado para não comprometer orçamentos futuros”, ponderou. “De qualquer forma, essa iniciativa mostra a grandeza do presidente Rodrigo Maia, que se empenhou para a geração dessa receita para o Rio, que passa por um momento delicado em sua economia”, afirmou.

O deputado Francisco Floriano também celebrou a operação. “Com o novo ciclo de expansão dos royalties, os cofres terão uma injeção de recursos. Um alívio momentâneo, porém muito importante, sobretudo para os servidores públicos e aposentados”, disse.

Para o deputado Sérgio Zveiter, os recursos chegam em boa hora e precisam ser muito bem empregados. “Nosso estado passa por um momento difícil e é preciso que a aplicação dos recursos seja muito bem gerida. O Rio vai sair dessa e todos precisam fazer sua parte”, argumentou. “Continuaremos sempre trabalhando no melhor interesse de nosso estado”, acrescentou.

Segundo o deputado Pedro Paulo, a operação de antecipação de recebíveis dos royalties permitirá quitar o 13º salário atrasado e iniciar a normalização dos serviços estaduais com o pagamento de fornecedores. “Importante registrar a ajuda Câmara dos Deputados ao Rio, seja pela aprovação da Lei 13.609/2017, que viabilizou essa operação, e da qual sou um dos autores, seja pela aprovação da LC159/2017, que criou o Regime de Recuperação Fiscal assinado pelo Rio, na qual fui o relator”, argumentou.

Para o deputado Roberto Sales, o Rio de Janeiro passa por uma grave crise, provocada pela queda na arrecadação. A aprovação da medida vai permitir que os municípios “respirem”, pois terão auxílio extra para que coloquem as contas em dia.

O deputado Marcos Soares também destacou o empenho da bancada e disse que é preciso a união de todos para que o estado supere esse momento. “Não mediremos esforços para tirar o Rio dessa crise”, assegurou. “A população sabe que pode contar com a gente”, acrescentou.